© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus 

Aumento da gasolina amplia economia de abastecer com gás natural

August 4, 2017

Com o recente aumento dos preços dos combustíveis, devido à elevação de impostos determinados pelo Governo Federal, abastecer os veículos com Gás Natural Veicular (GNV) tornou-se ainda mais vantajoso.

 

A economia pode superar os 50%, de acordo com cálculos da Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) com base na correlação entre a média de rendimento de cada combustível os preços médios praticados em São Paulo, conforme dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

 

Segundo a Comgás, o custo médio do quilômetro rodado com GNV chega a R$ 0,15, enquanto com a gasolina o valor pode atingir R$ 0,37 e com o etanol, R$ 0,33. Com isso, enquanto o motorista roda 200 km ao abastecer R$ 30 de GNV, com o mesmo valor o veículo atingiria a quilometragem de 81km e 90km, utilizando gasolina e etanol, respectivamente.

 

 

 Vantagens e desvantagens

 

Atualmente utilizado mais por motoristas de taxis, uma das consideradas desvantagem dos carros com GNV é a perda de espaço para colocar o cilindro onde o combustível é armazenado, geralmente instalado no porta-malas do veículo. Para veículos muito pequenas, a perda é mais acentuada.

 

Outro problema é a perda de potência, principalmente em modelos de baixa cilindrada. Com a tecnologia mais moderna dos kits de GNV, Geração 5, esse problema é minimizado, ficando em apenas 3%, segundo a Comgás.

 

De acordo com a companhia, os kits mais modernos também eliminaram problemas como o ressecamento de mangueiras ou a necessidade de troca constante de velas. A partida do veículo é realizada pelo combustível original. Após o motor atingir a temperatura ideal, que gira em torno de 90ºC, o gás entra em operação. A manutenção segue o estabelecido no manual do veículo.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload