© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus 

MÉDICOS DE GUARULHOS DENUNCIAM ATRASO DE SALÁRIOS, QUASE 14 MIL INDÚSTRIAS FECHARAM AS PORTAS NO BRASIL E MAIS NOTÍCIAS

June 21, 2018

Escrito por Elói Pietá 

 

MÉDICOS DO HMU DENUNCIAM ATRASOS DE SALÁRIOS E ANUNCIAM PARALISAÇÃO

Os médicos do Hospital Municipal de Urgências de Guarulhos (HMU) lançaram, nesta quarta-feira (20), um comunicado com dois objetivos. Primeiro, denunciar os frequentes atrasos salariais que, segundo o comunicado, comprometem o bem-estar de toda a comunidade do HMU e colaboram para a desintegração do ambiente de trabalho e a perda de profissionais. Segundo, comunicar a parada do atendimento em 48 horas, pelo não recebimento dos salários de abril e maio de 2018, mantidos apenas os atendimentos de emergência. O HMU é administrado, desde o início da atual gestão, pela empresa Gerir. Uma instituição privada que visa lucro e foi contratada sem licitação.

 

PREFEITURA ANUNCIA REPASSE DE QUASE 8 MILHÕES PARA A GERIR

Diante da ameaça de greve dos médicos e outros profissionais do HMU, mas também de outras unidades de saúde da cidade, a Prefeitura de Guarulhos informou que realizará nesta semana dois repasses ao Instituto Gerir, responsável pelas gestões do Hospital Municipal de Urgências (HMU), Hospital Municipal da Criança e Adolescente (HMCA) e Policlínica Paraventi, no total de R$ 7 milhões e 800 mil, referentes a repasses que se encontravam pendentes. Desta forma, a organização poderá realizar a quitação dos salários e pagamentos em atrasos com os profissionais da saúde, incluindo os médicos, até esta sexta-feira (22).

 

CRIMES DE ASSASSINATO JÁ PASSAM DE 17 MIL EM 2018 NO BRASIL

Ao menos 3.833 pessoas foram assassinadas no mês de abril deste ano no Brasil. Cinco estados, no entanto, não divulgam o dado, o que compromete a estatística. Já são 17.424 vítimas registradas nos primeiros quatro meses deste ano. O número consolidado até agora contabiliza todos os homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, que, juntos, compõem os chamados crimes violentos letais e intencionais. As informações são do Núcleo de Estudos da Violência da USP.

 

QUASE 14 MIL INDÚSTRIAS FECHARAM AS PORTAS NO BRASIL EM 3 ANOS

A crise econômica levou ao fechamento de 13 mil 800 indústrias no Brasil em três anos. No mesmo período, os investimentos no setor industrial sofreram uma queda de 24%. É o que aponta a Pesquisa Industrial Anual Empresas (PIA-Empresas) divulgada nesta quinta-feira (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os dados são de 2016.

 

INDÚSTRIA PERDEU 1,3 MILHÃO DE EMPREGOS

Em valores reais (deflacionados a preços de 2016), em 2013 os investimentos somaram R$ 244 bilhões, e em 2016 totalizaram R$ 186 bilhões. Outra consequência do fechamento das empresas foi a redução de 1 milhão e 300 mil no número de postos de trabalho do setor industrial brasileiro.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload