© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus 

FIQUE LIGADO: FALTA DE MÉDICOS PARALISA ATENDIMENTO EM UBSs DE GUARULHOS, DÓRIA É O MAIS REJEITADO EM SP, ESQUERDA VENCE ELEIÇÕES NO MÉXICO E MAIS NOTÍCIAS

July 2, 2018

Escrito por Elói Pietá

UBS NO PRESIDENTE DUTRA ESTÁ SEM MÉDICO HÁ QUASE 8 MESES

A UBS da Rua Nova York, no Jardim Presidente Dutra, está sem médico clínico geral desde 13 de novembro de 2017 e a secretaria de saúde não dá nenhuma perspectiva de solução para este grave problema. Na mesma UBS também faltam insumos básicos.

 

FALTA DE MÉDICOS TAMBÉM NA UBS NORMANDIA PARALISA ATENDIMENTO

A UBS Normandia, na Região dos Pimentas, tem 5 Equipes de Saúde da Família. Vinha funcionando há meses precariamente, com apenas 2 médicos, mas essa semana ficou sem nenhum: um médico pediu demissão, a outra está afastada. Também neste caso, a secretaria de saúde não apresenta uma solução para o atendimento.

 

NOVA PESQUISA IBOPE MOSTRA EMPATE TÉCNICO ENTRE DORIA E SKAF

Pesquisa do Ibope divulgada nesta sexta-feira (29), sobre as intenções de voto para governador de São Paulo, mostra que o ex-prefeito de São Paulo, João Dória, começa a perder fôlego. João Doria (PSDB) aparece à frente com 19% das intenções de voto, seguido pelo pré-candidato Paulo Skaf (MDB), com 17% das menções. Márcio França (PSB) e Luiz Marinho (PT) têm, respectivamente, 5% e 3% das intenções. O número de brancos ou nulos somam 38% dos entrevistados.

 

DÓRIA É O MAIS REJEITADO

Segundo a mesma pesquisa, João Doria lidera o nível de rejeição do eleitorado paulista. O tucano foi citado por 39% dos entrevistados como candidato no qual não votariam. Paulo Skaf está em segundo lugar com 30% de rejeição. Já Marinho foi rejeitado por 20% dos eleitores e o atual governador, Márcio França, por 18% do eleitorado.

 

ESQUERDA VENCE AS ELEIÇÕES NO MÉXICO

Neste domingo (01), os mexicanos foram às urnas para escolher o seu novo presidente. Até as 6:30 da manhã, com 51% das urnas apuradas, o candidato da esquerda Andres Manuel Lópes Obrador tinha 53% dos votos. Seus adversários Ricardo Anaya (23%), José Antônio Meade (15%) e Rodríguez Calderón (6%), reconheceram a vitória de Obrador por volta da meia-noite, quando apenas 17% das urnas tinham sido abertas. Obrador vence por larga vantagem em quase todos os estados mexicanos, sendo derrotado por Anaya em apenas 2: Nuevo León e Guanajuato.

 

CARTA AO POVO MEXICANO

Em seu primeiro discurso como presidente eleito do México, Obrador se apresentou muito mais como Lula em 2002 do que como Chaves (seus opositores tentaram colar nele a imagem de bolivariano). Disse que quer dialogar com todos os setores da sociedade, mas que dará prioridade aos humildes e esquecidos, em especial, aos povos indígenas. Acenou pra o mercado, ao dizer que a autonomia do banco central será respeitada e que sua gestão será conduzida com disciplina financeira e fiscal.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload