FIQUE LIGADO: HMU ESTÁ SEM ENDOSCOPIA E SEM TOMOGRAFIA, SÃO PAULO INVESTE APENAS 50 MIL REAIS EM MANUTENÇÃO DO PATRIMÔNIO E MAIS NOTÍCIAS

September 4, 2018

Na foto: Museu Nacional em chamas

HMU ESTÁ SEM ENDOSCOPIA E SEM TOMOGRAFIA

O HMU (Hospital Municipal de Urgências de Guarulhos) está há meses sem endoscopia e tomografia. A informação é de que os equipamentos de endoscopia foram furtados, mas nem a Prefeitura, nem a Gerir, ainda se posicionaram quanto ao ocorrido. Na reunião do Conselho Municipal, a Prefeitura informou que recebeu um tomógrafo em doação, mas não deu informação sobre quando ele será instalado no HMU.

 

DESTRUIÇÃO DO MUSEU NACIONAL É SÓ MAIS UM DOS CASOS DE DESTRUIÇÃO DO PATRIMÔNIO, DA EDUCAÇÃO E DA SAÚDE DO POVO BRASILEIRO

A destruição de boa parte do Museu Nacional na noite deste domingo (02), no Rio de Janeiro, é um exemplo extremo do que se repete silenciosa e diariamente em todo o país: museus em chamas, bibliotecas entregues às traças e prédios históricos devorados por cupins ou simplesmente colocados à venda pelo preço do terreno. Em um cenário de crise econômica e com a Lei do teto para os gastos públicos federais (imposta pelo governo Temer), a Cultura e a preservação do patrimônio histórico é somente uma das primeiras vítimas, com a Educação e a Saúde não está sendo diferente (o incêndio já é explícito para quem necessita desses serviços públicos).

 

SÃO PAULO INVESTE APENAS 50 MIL REAIS EM MANUTENÇÃO DO PATRIMÔNIO

Em São Paulo, o Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado, Condephaat, por exemplo, dispõe de apenas 50.000 reais para realizar a manutenção e avaliação preventiva de 2.000 bens tombados em 645 municípios neste ano. Outros 75.000 reais são recursos vinculados que, por problemas burocráticos, não são utilizados pelo órgão.

 

MUSEU HISTÓRICO NÃO FOI O PRIMEIRO A PEGAR FOGO POR DESCASO

O descaso com o patrimônio em São Paulo também salta aos olhos: já arderam nas chamas o Teatro Cultura Artística, em 2008, o Memorial da América Latina, em 2013, o Museu da Língua Portuguesa, em 2015, e a Cinemateca, em 2016. Por fim, o Museu do Ipiranga, um dos mais importantes do país, encontra-se fechado há cinco anos para reformas.

 

PRODUÇÃO INDUSTRIAL ENCOLHE NO 2º SEMESTRE E AFUNDA PIB 2018

No segundo trimestre de 2018, a indústria brasileira registrou contração de 0,6%, contribuindo para que analistas do mercado passassem a projetar um crescimento do PIB mais próximo a apenas 1% em 2018.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus