FIQUE LIGADO: GREVE DO LIXO EM GUARULHOS PODE IR ATÉ SEXTA (20), MÁQUINAS E CAMINHÕES ATERRAM ÁREA AMBIENTAL NO TABOÃO E MAIS NOTÍCIAS

September 17, 2019

GREVE DO LIXO EM GUARULHOS PODE IR ATÉ SEXTA SE EMPRESA NÃO PAGAR SEUS EMPREGADOS

O compromisso da Trail, empresa que sucedeu a Quitaúna na coleta do lixo em Guarulhos, era pagar a participação nos lucros e resultados (PLR) a seus empregados até o dia 15. Como os trabalhadores não receberam, paralisaram nesta segunda (16) o serviço de coleta. A greve começou com os motoristas, que são representados pelo Sincoverg. E se estendeu aos coletores. Cada motorista da empresa deveria receber R$ 950 de PLR. A empresa alega que não recebeu em dia o pagamento da Prefeitura pelo seu contrato. E que só na sexta-feira irá depositar a PLR. Os trabalhadores decidiram continuar de braços cruzados e só voltar ao serviço após o pagamento. Enquanto isso os sacos de lixo vão se acumulando nas ruas de Guarulhos.

 

MÁQUINAS E CAMINHÕES ATERRAM ÁREA AMBIENTAL NO TABOÃO EM GUARULHOS

No Jardim Paraíso, Taboão, ainda restava junto ao Campo da Paz uma área ambiental denominada ‘taboa’, palavra que deu origem ao nome da região. Apesar dos insistentes apelos dos moradores à Secretaria do Meio Ambiente a depredação ambiental continua intensa e os predadores do meio ambiente estão acabando com aquela reserva natural para conquistar e vender terrenos em cima dela. 

 

ENXAMES DE ABELHAS TENTAM SE INSTALAR EM RESIDÊNCIAS EM GUARULHOS

Com a chegada da primavera as abelhas com sua rainha tentam construir sua colmeia. Por isso procuram lugar inclusive nas casas. Foi o que aconteceu na Vila Augusta, em Guarulhos, na sexta-feira (13). Milhares de abelhas procuraram se instalar na cobertura da garagem de uma casa. O proprietário ligou para os bombeiros, que alegaram não ter técnica adequada para executar o serviço, mas orientaram quem pode fazer. As abelhas não podem ser eliminadas por serem essenciais à polinização das plantas. Precisam ser atraídas a uma caixa especial e levadas para as matas da Cantareira. Restou ao advogado proprietário contratar por 250 reais um casal apicultor da região de Atibaia, que, com as vestes e técnicas especiais, atraiu o enxame para uma caixa adequada e o levou para o apiário que mantém na zona rural daquela cidade.

  

MAIS DE MIL PESSOAS DORMEM NO ANHANGABAÚ EM BUSCA DE EMPREGO

Mais de mil pessoas formam uma fila na tarde desta segunda-feira (16) para concorrer a uma das 4 mil vagas oferecidas por uma feira de empregos no Vale do Anhangabaú, no Centro da cidade de São Paulo. Os candidatos começaram a chegar na sede do Sindicato dos Comerciários na tarde desta segunda (16) e dormiram no local para conseguir uma das 1500 senhas diárias que serão distribuídas até sexta-feira (20). Ao meio-dia desta terça-feira (17), outras centenas de pessoas já estavam na fila para conseguir as senhas de quarta-feira (18). Segundo o IBGE, cerca de 18 milhões de brasileiros (13 milhões em busca de emprego e outros 5 milhões que já desistiram de buscar) e brasileiras estão sem emprego em 2019.

 

AGORA O GOVERNO FEDERAL QUER CONGELAR O SALÁRIO MÍNIMO

Os altos salários da burocracia administrativa e judicial continuam nas nuvens se comparados com o chão salarial que é o mínimo, uma conquista dos trabalhadores na década de 1930. A lei vigente dos tempos de Lula e Dilma era o reajuste anual do mínimo acima da inflação, acrescentando a evolução do PIB ao índice inflacionário. Esta lei já foi abandonada pela atual administração.   Agora a grande mídia noticia que o governo quer congelar o valor nominal do salário mínimo, nem aplicando a ele a inflação. Portanto reduzindo seu valor real. Segundo as notícias, com esta tungada o governo pretende economizar 12 bilhões de reais às custas de quem mais precisa. Na história brasileira já houve maldades como esta, por exemplo no período de governo do General Dutra e em alguns anos da ditadura militar quando o governo maquiava os índices inflacionários.

 

PETROBRÁS REPETE PRÁTICA DE GOVERNO DILMA PARA CONTER AUMENTO DOS COMBUSTÍVEIS FRENTE NOVA CRISE DO PETRÓLEO

A Petrobras decidiu manter o preço da gasolina, do diesel e dos demais derivados de petróleo até o preço do petróleo se acomodar no mercado internacional. Ao fazer isso, o atual governo federal busca conter o impacto inflacionário do aumento dos combustíveis, mesma prática que criticavam no governo Dilma. Desde o domingo (15), os preços internacionais do petróleo passaram a registrar forte alta após duas grandes instalações serem atacadas na Arábia Saudita. Nos anos 1970, durante a Ditadura Militar no Brasil, o mercado do petróleo passou por duas crises que abalaram a economia mundial, inclusive o Brasil. A primeira entre 1973 e 1974, com a guerra árabe israelense, que reduziu a oferta mundial de petróleo em 4%. E a segunda entre 1978 e 1979 com a Revolução do Iram, que marcou o início dos governos religiosos no país. A redução na oferta de agora (de 6%) é ainda maior que a de 1973.

Apoio:

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus 

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now