© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus 

FIQUE LIGADO: RESULTADO OFICIAL DA ELEIÇÃO DOS CONSELHOS TUTELARES EM GUARULHOS, UNIVERSIDADES DE GUARULHOS ESTÃO MAL NA AVALIAÇÃO DE QUALIDADE E MAIS NOTÍCIAS

October 8, 2019

NESTA TERÇA (8) SAI O RESULTADO OFICIAL DA ELEIÇÃO DOS CONSELHOS TUTELARES EM GUARULHOS

Foto: crianças desoladas após despejo de suas casas.

 

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Guarulhos divulga nesta terça (8) no Diário Oficial do município o resultado da eleição de 30 conselheiras e conselheiros tutelares de Guarulhos e respectivos suplentes. Será divulgada também a votação de todas as candidatas e candidatos. Assim como na maior parte do país a disputa se deu entre alas conservadoras e alas progressistas da sociedade, ou, poderia ser dito, entre direita e esquerda. Esta competição fez com que o número de pessoas que foram votar tenha crescido no país inteiro. Em Guarulhos, segundo as primeiras avaliações, a ala conservadora, especialmente ligada a igrejas e partidos conservadores elegeu a maioria dos membros dos conselhos tutelares para os próximos 4 anos. Na Capital São Paulo a disputa foi mais equilibrada. A comissão eleitoral do CMDCA de Guarulhos ainda vai analisar 13 denúncias de boca-de-urna, transporte por ônibus fretados e outras irregularidades que foram denunciadas.

 

UNIVERSIDADES DE GUARULHOS ESTÃO MAL NA AVALIAÇÃO DE QUALIDADE

A mais tradicional e antiga universidade de Guarulhos, a UNG, ocupa o lugar 130 entre as 197 universidades brasileiras pesquisadas pela Folha de S.Paulo, que faz desde 2012 uma avaliação da qualidade das universidades públicas e privadas do Brasil. A avaliação leva em conta o desempenho das universidades em pesquisa científica, na qualidade do ensino, na capacidade de inovações, no prestígio no mercado de trabalho, e na repercussão internacional de suas publicações. O critério maior é o de pesquisa, seguido do ensino. A Uninove, que agora tem faculdade de medicina em Guarulhos, aparece no lugar 67 entre todas as universidades. A São Judas, que tem unidade em Guarulhos, está no lugar 109 geral. A  Universidade Santo Amaro, Universidade Brasil e a Anhanguera, que também tem campus na cidade, ocupam, respectivamente, os lugares 141, 158 e 159. Continue lendo depois da propaganda...

AS UNIVERSIDADES PÚBLICAS OCUPAM TODOS OS PRIMEIROS LUGARES EM QUALIDADE NO BRASIL 

As universidades públicas brasileiras ocupam todos os primeiros lugares em qualidade no ranking da Folha de S.Paulo. Hoje elas estão ameaçadas com cortes de verbas, precarização de novos professores, redução nos recursos de pesquisa, privatizações, censura. As 17 melhores universidades são públicas. Entre elas está a Unifesp, que tem um campus em Guarulhos, no Pimentas, com cerca de 4 mil alunos e alunas. Entre as 60 melhores universidades, apenas 9 são do setor privado, destacando-se então as tradicionais universidades católicas e uma presbiteriana. Todos os 10 primeiros lugares em medicina, farmácia, física, química, biologia, agronomia, onde há muita pesquisa científica são ocupadas por universidades públicas. E nove dos dez primeiros lugares.

    

CARDEAL BRASILEIRO EM ROMA CRITICA EXPLORAÇÃO E OPRESSÃO NA AMAZÔNIA

O cardeal Dom Cláudio Hummes, que foi arcebispo de São Paulo e hoje é um dos mais importantes dirigentes da Igreja Católica em Roma, abriu nesta segunda (7) os debates da Assembleia dos Bispos dos nove países da Amazônia. Ele disse que nunca a Amazônia esteve tão ameaçada quanto hoje. Pela destruição e exploração ambiental, pela violação dos direitos da população, especialmente da população pobre e indígena.  A preparação desta assembleia denominada Sínodo ouviu 87 mil pessoas da região. Segundo o cardeal a ameaça à vida humana, animal, vegetal, às águas e ao clima são resultado de interesses econômicos e políticos dos setores dominantes da sociedade, em especial, da extração predatória e irresponsável, legal ou ilegal, das riquezas do subsolo e da biodiversidade, com a conivência de governos, e às vezes até com a participação de alguma autoridade indígena. O Sínodo da Amazônia reúne 157 bispos, dos quais 57 são brasileiros. E foi atacado pelo governo Bolsonaro muito ligado aos exploradores da Amazônia brasileira e de sua população.

 

FRANÇA DIZ QUE NÃO ASSINARÁ ACORDO UNIÃO EUROPEIA-MERCOSUL 

A ministra francesa do Meio Ambiente, Elisabeth Borne, informou nesta terça-feira (8) que A França não assinará o acordo entre União Européia e Mercosul sobre questões agrícolas, pois, segundo ela, não é possível assinar um tratado comercial com um país que não respeita a floresta amazônica, que não respeita o tratado do clima. Fechado em junho deste ano, depois de mais de 20 anos de negociação, esse acordo foi celebrado pela grande mídia nacional e pelo presidente Bolsonaro como um grande feito da diplomacia do atual governo. Poucos dias depois, com a negligência do governo federal frente os incêndios na Amazônia, a França já se colocava contrária ao acordo com o Brasil. Pela legislação da União Europeia, basta que um país do bloco não queira um acordo para que ele seja rejeitado por todos os demais. 

 

EM MEIO A CRISE POLÍTICA PRESIDENTE DO EQUADOR MUDA CAPITAL DO PAÍS

Os protestos da população do Equador, contra um pacote de medidas econômicas imposto pelo governo como parte do acordo com o FMI, continuam nesta terça-feira (8). Em resposta à chegada à capital de milhares de indígenas que marcham em protesto pelas ruas do país,  o presidente do Equador, Lenín Moreno, anunciou a transferência da sede do Governo de Quito para Guayaquil. Em Quito, o Estado de Emergência decretado por Moreno já prendeu mais de  500 pessoas. 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload