© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus 

FIQUE LIGADO: GUARULHOS JÁ REGISTRA MAIS DE 600 CASOS DE SARAMPO EM 2019, APLICATIVO DA SAÚDE CONTINUA DANDO PROBLEMAS  E MAIS NOTÍCIAS

November 1, 2019

GUARULHOS JÁ REGISTRA MAIS DE 600 CASOS DE SARAMPO EM 2019

Guarulhos já registrou 634 casos de sarampo em 2019, os dados são da Secretaria Municipal de Saúde. O maior número de casos se concentra no Centro e na região de Taboão e Cabuçu. Quase a metade dos casos acontece com pessoas entre 15 e 29 anos que não foram vacinadas. Quem já foi vacinado e quem já teve a doença fica imunizado por toda a vida. Embora os números sejam assustadores para uma doença que se acreditava extinta, nenhuma morte foi registrada na cidade. 

 

APLICATIVO DA SAÚDE CONTINUA DANDO PROBLEMAS 

O aplicativo Saúde Guarulhos, lançado pela Prefeitura para facilitar a marcação de consultas nas UBSs do município, continua gerando problemas 10 dias depois de seu lançamento. Muitas usuários dizem que não conseguem realizar as marcações, sobretudo em especialidade, provavelmente por falta de médicos. Outros dizem que o aplicativo não permite a escolha da UBS, indicando somente a unidade próxima ao CEP exigido para o cadastro do usuário. 

 

BANDA APRESENTA EM GUARULHOS DISCO INDICADO AO GRAMMY LATINO 

A MPB de cara regional é o destaque do Sesc Guarulhos nesse fim de semana. A banda as Bahias e a Cozinha Mineira, composta por Assucena, Raquel Virginia e Rafael Acerbi, apresentam o show Tarântula. O disco que dá nome ao show foi indicado ao Grammy Latino e muitas das músicas do repertório serão apresentadas pela primeira vez ao vivo nesta apresentação em Guarulhos. Para quem quiser conferir, o show acontece nesta sexta-feira  (1), às 20 horas. O Sesc Guarulhos fica na Rua Guilherme Lino dos Santos, no Jardim Flor do Campo, perto do Cecap. Os ingressos custam entre 9 e 30 reais.

 

33 MILHÕES DE BRASILEIROS ESTÃO SEM EMPREGO OU TRABALHAM SEM CARTEIRA ASSINADA

A taxa de desemprego no Brasil ficou em 11,8% no trimestre encerrado em setembro, atingindo 12,5 milhões de pessoas, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os dados mostram que o desemprego segue persistente, e as vagas criadas são precárias. Na comparação com o mesmo trimestre de 2018, houve aumento de 1,5 milhão de pessoas na população ocupada, mas essa alta segue sendo puxada pela informalidade, que ficou em mais de 40% em setembro (mesma taxa dos três meses encerrados em agosto), e vem crescendo nos últimos anos. Destes, 16 milhões trabalham sem carteira assinada, juntando quem trabalha em empresas e os domésticos. Estes, somados aos desempregados e aos 5 milhões desalentados, formam um grupo de 33 milhões de brasileiros e brasileiras que não conseguirão cumprir as regras da nova reforma da Previdência. Uma bomba relógio igual a que hoje explode no Chile está sendo armada no Brasil.

 

80% DOS BRASILEIROS ENTRAM NO WHATSAPP PELO MENOS UMA VEZ POR HORA

80% DOS BRASILEIROS ENTRAM NO WHATSAPP PELO MENOS UMA VEZ POR HORADe acordo com a pesquisa, 80% dos brasileiros usam o WhatsApp pelo menos uma vez a cada hora e sempre interagem no aplicativo. O WhatsApp no Brasil aparece muito à frente do Facebook, e-mail pessoal e Instagram. O estudo, da empresa Global Mobile Consumer Survey Brasil, foi realizado a partir das respostas de 2 mil pessoas que utilizam telefonia móvel em todas as regiões do país. Mostrou ainda que 95% das pessoas haviam utilizado celulares conectados à internet nas últimas 24 horas, bem à frente de computadores e notebooks. Continue lendo depois da propaganda...

Apoio:

LAUDO DO MP DO RIO SOBRE INTERFONE DA CASA DE BOLSONARO NO RIO TEM FALHAS DE ANÁLISE

Segundo reportagem do El País, o laudo produzido pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro “escancarou” nesta quinta-feira mais uma falha nos trabalhos de elucidação do assassinato de Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes. Documento anexado aos autos do caso mostra que a Promotoria não examinou a possibilidade de que os arquivos de áudio que tratam da entrada de visitantes no condomínio do presidente Jair Bolsonaro e do ex-policial Ronnie Lessa, acusado pela morte da vereadora, tenham sido alterados antes de enviados às autoridades. Foi com base nessas gravações que as promotoras do caso afirmaram, na quarta-feira, que um dos porteiros do condomínio de luxo mentiu em depoimento, quando afirmou em outubro, em duas oportunidades, que o ex-policial Élcio Queiroz, preso acusado de envolvimento no crime, tinha solicitado autorização na portaria para visitar a casa de Bolsonaro no dia do assassinato de Marielle. Os peritos da promotoria não tiveram acesso ao equipamento do condomínio, portanto não teriam como verificar se houve inserção de arquivos com data e hora forjada ou se houve exclusão de arquivos.

Apoio: 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload