FIQUE LIGADO: MANIFESTAÇÕES NOS ESTADOS UNIDOS VÃO REPERCUTIR NO BRASIL E MAIS NOTÍCIAS

June 1, 2020

MANIFESTAÇÕES NOS ESTADOS UNIDOS VÃO REPERCUTIR NO BRASIL

As grandes manifestações de rua contra o racismo e contra a violência policial seletiva nos Estados Unidos vão repercutir no Brasil. Não necessariamente da mesma forma. No mundo globalizado e ligado nas mídias tradicionais e sociais a propagação não é só de vírus como o Covid-19. Propagam-se rapidamente crises econômicas, modas, gostos culturais, e também manifestações de rua. Como estamos num momento de crise a soma de descontentamentos chega uma hora que sai do leito normal e toma conta das ruas. E vai se propagando de país a país. Porém, uma coisa é ter manifestações no Chile, no México, em Hong Kong, no Egito. Outra, de muito mais repercussão e propagação, é ter manifestações no centro econômico e político do Ocidente, e ainda no principal país do mundo.

 

O CLIMA NO BRASIL É DE CONFRONTO ESTIMULADO PELO PRESIDENTE DA REPÚBLICA

A crise econômica no Brasil hoje atinge intensamente desempregados, autônomos, micro e pequenos empresários, trabalhadores com rebaixamento salarial, profissionais de classe média que perderam sua renda. Ela se soma a outros descontentamentos que já existiam com o desemprego, o sistema de saúde, a insegurança. O clima é solo fértil para protestos. O presidente da República põe fogo nesta vegetação seca. Propõe que as pessoas usem armas, estimula e comparece a atos contra o Congresso Nacional, contra o Supremo Tribunal Federal, e por uma ditadura militar. A resposta vem. Está começando com movimentos pelo impeachment do presidente e em defesa da democracia ameaçada. Logo será contra a repressão policial, pelo direito à renda e ao trabalho, ou por outras reivindicações. 

 

PRECISAMOS TIRAR LIÇÕES DE ALGUNS ACONTECIMENTOS DO PASSADO

Em 1968 havia no Brasil um grande descontentamento com a ditadura militar que havia se instalado quatro anos antes. Naquele mesmo ano, nos Estados Unidos houve grandes manifestações contra a Guerra do Vietnã. Na França, Alemanha e outros países da Europa grandes manifestações da juventude por liberdades civis, a favor do feminismo, contra o racismo, contra armas nucleares. No Brasil, lideradas pelos movimentos das universidades, ocorreram também grandes manifestações contra a ditadura e por outras reivindicações. A mais famosa foi a Marcha dos Cem Mil no Rio de Janeiro em protesto contra a morte do estudante Edson Luís, assassinado por um policial numa das manifestações. O passado não volta igual, mas a memória coletiva se inspira nele. 

Apoio:  

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017 gru360 / Aqui Guarulhos se encontra em 360 Graus